Um blog para você refletir...

O melhor design da região...

O melhor design da região...
Rua Senador João Câmara, 239, Centro, Santa Cruz/RN

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Zico é ovacionado em homenagem durante festa de 120 anos do Udinese


Quem é Rei nunca perde a majestade. Antes da partida contra o Sassuolo, pelo Campeonato Italiano, o Udinese prestou uma homenagem a Zico no estádio de Friuli, na celebração de 120 anos de fundação do clube do norte do país. Ovacionado pelos torcedores, o ex-jogador brasileiro deu uma volta no gramado, cumprimentando vários fãs, e viu bandeiras e faixas dedicadas a ele. Uma delas resumia o que o ídolo representou na história do time: "Graças a você o mundo nos conheceu".
+ Zico questiona se teria o mesmo brilho hoje: "A técnica vem depois da tática"
- Estar junto deles, de todos esses torcedores, foi fantástico, inesquecível. Após 30 anos, voltar aqui e ver esse entusiasmo significa que fiz um bom trabalho - disse Zico à rede de televisão "Sky Sport Itália".

O ex-jogador brasileiro saiu do Flamengo para defender o Udinese em 1983. Logo na estreia, comandou a goleada por 5 a 0 sobre o Genoa, marcando dois. Na primeira temporada, fez 19 em 24 partidas. Na seguinte, enfrentou muitos problemas com lesões e entrou em campo apenas mais 15 vezes. Balançou a rede em mais três oportunidades e terminou sua passagem no clube em 1985, somando 30 gols em 53 jogos. Não conquistou títulos, mas foi o suficiente para se tornar ídolo eterno dos bianconeri.
- Acredito que os pais fizeram um bom trabalho com as crianças que hoje me aplaudem. Eles não me viram naquela época - disse Zico.


Globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“Não é o poder que corrompe o homem. O homem é que corrompe o poder”!