Um blog para você refletir...

O melhor design da região...

O melhor design da região...
Rua Senador João Câmara, 239, Centro, Santa Cruz/RN

terça-feira, 23 de maio de 2017

MPF pede condenação de Cabral por corrupção e 114 atos de lavagem de dinheiro

MPF pede condenação de Cabral por corrupção e 114 atos de lavagem de dinheiro
Foto: Reprodução / MPF
O Ministério Público Federal do Paraná apresentou na noite desta segunda (22) as conclusões dos procuradores sobre processo da Lava Jato que tem como alvo o ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB-RJ). O MPF requereu a condenação de Cabral pelos crimes de corrupção passiva e por 114 atos de lavagem de dinheiro. Segundo informações do portal G1, os procuradores acusam o peemedebista de receber propina da Andrade Gutierrez em troca de contratos de obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj). Os procuradores afirmam que o ex-governador solicitou a propina, em conjunto com o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, pediu propina aos empreiteiros e indicou pessoas de confiança para receber os valores. O MPF também recomendou a condenação da ex-primeira dama Adriana Ancelmo e outras três pessoas. As defesas precisam apresentar as alegações finais até o dia 5 de junho para apresentar as alegações finais. Após essa data, o juiz Sérgio Moro já pode emitir sua decisão. Preso desde 17 de novembro do ano passado, Cabral se tornou réu na Justiça Federal do Paraná no dia 16 de dezembro. 
BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“Não é o poder que corrompe o homem. O homem é que corrompe o poder”!