Um blog para você refletir...

O melhor design da região...

O melhor design da região...
Rua Senador João Câmara, 239, Centro, Santa Cruz/RN

sábado, 15 de julho de 2017

Paulista é condenado a dois anos de prisão por postagens ofendendo nordestinos



Paulista é condenado a dois anos de prisão por postagens ofendendo nordestinos
(Foto: Reginaldo dos Santos
Um homem de 46 anos do Estado de São Paulo foi condenado a dois anos e quatro meses de prisão por ofender nordestinos em  um post no Orkut. O Tribunal Federal reverteu o tempo da pena em prestação de serviços à comunidade e pagamento de multa de dois salários mínimos. A postagem na comunidade "Poder Paulista" do Orkut fazia ofensas a nordestinos. A publicação se referia aos nordestinos como "bocas famintas" e “dejetos do Governo Federal"; o internauta ainda sugeriu que "voltassem do buraco onde vieram". "Os rebotalhos que são despejados aqui não trazem nada de bom, são dejetos do Governo Federal e de seus próprios Estados de origem", diz a postagem. O Ministério Público Federal (MPF) deu iniciou uma ação por racismo assim que a denúncia do caso foi realizada. Em sua defesa, o homem afirmou que utilizou a postagem para incitar discussões racistas e entender como os preconceitos agiriam. Apesar de ser condenado a dois anos e quatro meses de prisão, mas a pena foi revertida em serviços à comunidade, acrescida de multa de dois salários mínimos, cerca de R$ 1,8 mil. De acordo com informações do G1, a defesa está aguardando a publicação da decisão para decidirá recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). “A publicação fazia parte de um estudo literário para um livro que foi publicado pelo réu. O meu cliente morou por alguns anos em Pernambuco e é casado com uma pessoa de raízes nordestinas. Ele não tem preconceito”, alegou o advogado.
BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“Não é o poder que corrompe o homem. O homem é que corrompe o poder”!