segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Com a crise, número de brasileiros que deixa o país dispara

quantidade de pessoas que deixou oficialmente o Brasil para morar no exterior subiu 165% nos últimos sete anos. Em 2011, 8,1 mil declarações de saída definitiva foram entregues à Receita Federal. Já em 2017, o número quase dobrou: 21,7 mil brasileiros deixaram o país até 13 de dezembro deste ano (dados mais recentes).
Como explica o ‘G1‘, que teve acessos aos dados, o maior salto ocorreu justamente no auge da crise econômica no país, que aconteceu de 2015 a 2016. Neste período, as declarações saltaram mais de 40%. No ano anterior, o aumento tinha sido de 19% e, de 2013 para 2014, foi 24%. Os dados contabilizam tanto brasileiros quantos estrangeiros que residiam no Brasil.
“Havia a expectativa de que a economia ia começar a melhorar e também um movimento xenófobo [no mundo], que poderia desacelerar esse processo [de saída do Brasil]. Mas as perspectivas para a política no ano que vem desanimam”, explica Jorge Botrel, sócio da JBJ Partners, empresa especializada em empreendedorismo e expatriação para os Estados Unidos.
RP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

“Não é o poder que corrompe o homem. O homem é que corrompe o poder”!